quarta-feira, 23 de maio de 2012

RUMOREJANDO


PEQUENAS CONSTATAÇÕES, NA FALTA DE MAIORES.


Constatação I

Rico é somítico* por opção; pobre, por obrigação.

*Somítico = Avarento (Houaiss).

Constatação II

Não se pode confundir tresmalhar* com malhar três, até porque quem se propuser a malhar três corre o risco de extraviar-se, perder-se, tresmalhar, enfim. Já malhar uma nem sempre é factível...

*Tresmalhar =  verbo

transitivo direto

1 deixar cair ou perder as malhas de

Ex.: sem atenção, tresmalhou o xale que tecia

transitivo direto, intransitivo e pronominal

2 deixar escapar ou dispersar, ou escapar-se, afastando-se do bando

Ex.:

transitivo direto, intransitivo e pronominal

3 espalhar(-se) em diferentes direções; dispersar-se, extraviar-se

Ex.: a tempestade tresmalhou as naus

intransitivo e pronominal

4 sair do caminho desejado; extraviar-se, perder-se

Ex.: a carta tresmalhou(-se) no caminho (Houaiss)

Constatação III (Filha da pu...ce é um estado de espírito que começa desde a mais tenra idade?)

Deu na mídia, mais precisamente no Washington Post: “O pré-candidato republicano a presidente dos EUA Mitt Romney pediu desculpas dia 10 próximo passado por incidentes que ele descreveu como ‘travessuras colegiais’ que podem ter magoado alguém, após a revelação de que ele e outros alunos de um colégio de Michigan praticaram "bullying" contra um colega supostamente gay”. Data vênia, como diriam nossos juristas, mas Rumorejando acha que rico comete desde cedo ‘travessuras colegiais’; pobre, se revela desde cedo mau-caráter...

Constatação IV

Deu na mídia, mais precisamente no Estadão: “Trabalho escravo resiste na sexta maior economia do mundo”. Dúvida crucial: Que será que acontece com os escravagistas de plantão na tal ‘sexta maior potência economia do mundo’ que coincidentemente ou não é o país da impunidade’? Quem souber, por favor, comentários no blog para que possamos informar aos nossos prezados leitores. Obrigado.

Constatação V (De um pseudo-soneto).



      Pensamentos malsãos



Marquei um encontro com uma gata

Ela prometeu ser pontual, mas não veio.

A mim ninguém me afronta ou me desacata

Aí, eu quis saber o porquê do seu gesto feio.



Passei a segui-la por todo lado, por toda parte

Descobri que ela saía sempre toda agarrada

Com um cara com pinta de porta-estandarte

Por quem ela parecia estar assaz interessada.



O sujeito não desgrudava dela e de uma bengala

E na esquina, pouco afastada, embarcaram num opala.

Ele dando a impressão que se apoiava em ambas.



Cuidando para não ser visto, segui atrás do carro velho

Pensei: pelo jeito não vão para um culto religioso de evangelho.

Eles davam aulas de portas-estandarte e bandeira em escolas de sambas.



Constatação VI (De outro pseudo-soneto. Este figadal).



            Gente fina é outra coisa.



Quando alguém não consegue atingir seu desiderato

Diz ‘ta russo’ e/ou que ‘o mar não está para peixe’.

Jamais se considera um cara com falta de fosfato

E se alguém chama sua atenção, retruca ‘me deixe’.



São os famosos sabe-tudo, mas que estão por fora dos fatos

Jamais consultam dicionário, compêndios ou a enciclopédia

Só norteiam seu comportamento por intuição os seus atos

Quando abrem a boca não se sabe se aí vem uma trágica comédia.



Gente assim tem em toda parte, em todos os cantos, enfim em todos os lugares

Seja em casa de ensino, lugares de trabalho físico ou mental, até em lupanares.

A maioria alardeia sabedoria. São os que se consideram professores de D’us.



Quando te contam um causo eles são sempre o salvador da pátria, o mocinho

Capaz de vencer uma guerra, como o Silver Stalone que ganha, sem ajuda, sozinho

E para eles as pessoas decentes, honestas, direitas são apenas os parentes seus.



Constatação VII (De mais um pseudo-soneto).



                       Terceira Idade



À medida que os anos vão avançando inexoravelmente

As condições físicas e psíquicas entram em parafuso

E não se trata de um declínio e de uma queda como num acidente

Tampouco por fazer o cérebro ser utilizado com exagerado abuso.



É que os neurônios começam a desaparecer em escala assustadora

E os que sobrevivem dão a impressão exata de não dar conta do recado

Já que por eles devem ter passado uma pá carregadeira ou uma motoniveladora

Arrastando a turma para um canto ou uma fossa por ter sido pouco utilizado.



Para quem já completou 75 e dobrou o Cabo das Tormentas

E pretende se inteirar dos fatos pelo uso indevido das ventas

Vai sempre cometer desatinos, dizer tolices e/ou cometer gafe.



Se isso te deixar irascível, triste, meditabundo ou agastado

Recolha-se em tua casa, fique no teu canto sem se sentir obumbrado

Não esqueça que você não deve se estressar e veja para que não se estafe.



Constatação VIII (De um quarto pseudo-soneto).



      Conselhos úteis.



É um baita de um desperdício

Diria até que é um malefício

Não se ocupar da mulher e da amante

A toda hora, minuto, a todo instante.



Elas, como tantas, precisam de atenção

Para desbaratar uma possível solidão

Esta e outras devem ser evitadas

Seja de dia, nas noites, nas madrugadas



Por isso prezado amigo e companheiro

Evite mal-entendidos principalmente com elas

Ainda que você seja mau-caráter, um fuleiro.



Trate-as com carinho, amor e devoção

Se aparecer uma terceira nada de escorregadelas

Marque com a última em horário que não dê confusão.


Constatação IX

Qual galo pedrês,

Levantou

Às três

Da madrugada

Para reivindicar,

Batalhar,

Labutar

Campear,

Uma consulta

No SUS,

Pois

Achava,

Pensava,

Meditava,

Ponderava

Que fazia

Jus.

Levou

Uma multa:

Quando havia

Só dois

Antes dela,

A atendente,

A assistente,

A demente,

Aquela...

Deixa prá

Lá...

Mandou

Voltar,

Retornar,

Se apresentar

Depois.

Ficou

Desvairada,

Amuada,

Extenuada,

Cansada,

Fatigada,

Irritada

E augurou,

Desejou

Mentalmente

Ao Ministro

Da Saúde

Algo sinistro:

Um ataúde,

Tão somente.

Coitada!

Constatação X (De diálogos não muito esclarecedores).

-“Paiê, por que se rouba tanto no Brasil ?”

-“Porque sim, meu filho”.

-“Ah, bom, quer dizer, ah, ruim...”

Constatação XI (De conselhos úteis, via pseudo-haicai. De nada).

Não regre

O que deixa

Teu inimigo alegre.

Constatação XII

Rico é participativo; pobre, enxerido.

Constatação XIII (Unisex).

Ele(a) deixou de amá-la(lo)

E mudou o seu conceito

Passou a tratá-la(lo)

Com falta de respeito.

Constatação XIV

E como dizia, pseudohaicaimente, aquela gatona, plenamente consciente de suas amplas possibilidades, voltadas para velhos milionários caquéticos:

“Eu nunca me encarrego

De, sem estopa,

Pregar um prego”.

Constatação XV (Quase repetitiva).

Aquele cara, com cara de bun, digo com cara de quem ta com vontade de se sentar, se achou numa desesperada dúvida crucial: Deveria aparecer na revista Caras ou na revista Bundas ou em ambas. Coitado!

Constatação XVI

Deu na mídia: “Luta contra a fome é um problema de vontade política, afirma a FAO”. Alguém aí teve algum dia alguma dúvida, crucial ou não, a respeito?

Constatação XVII

Deu na mídia: “A taxa de desemprego no Brasil aumentou para 6,4% em março deste ano em comparação com o mesmo mês do ano passado, quando o indicador apontava 6% da População Economicamente Ativa (PEA, pessoas em idade de trabalhar e/ou à procura de emprego) desempregada. Para completar, a renda média do trabalhador caiu mais uma vez. Desde janeiro de 2011, os ganhos dos brasileiros reduz-se mês a mês. A mídia esqueceu, novamente, o que é imperdoável, de acrescentar: “viva nóis”.

Constatação XVIII

Não se pode confundir rótula com rótulo, muito embora haja muito jogador de futebol que faz questão de acertar a rótula do adversário, seu colega de profissão, de maneira tal que deixa um rótulo, às vezes para sempre, da maldade feita.

Constatação XIX (De uma dúvida crucial).

Deu na mídia: “FHC faz tratamento para não ranger dentes”. E qual é o tratamento que nós, pobres mortais, tivemos que fazer para não ranger os dentes com o governo dele ? Quem souber a resposta, por favor, comentários no blog. Obrigado.

Constatação XX (De diálogos familiares).

-“Mas, meu filho, quantas vezes eu preciso te dizer para estudar em vez de ficar lendo a revista Playboy. E a propósito, o que é que você está lendo”.

-“Pai, eu estou lendo quantos sinônimos existem para o órgão sexual feminino. Segundo a revista, citando o dicionário de Antônio Houaiss, existem 330 sinônimos”.

-“E de que te adianta ficar sabendo isso ?”

-“Cultura geral”.

-“Ah bom! Então, agora vá estudar enquanto eu vou dar uma olhadinha na revista para me cultivar”...

Constatação XXI

Deu, há tempos, na mídia: “Jornal inglês afirma que a cantora Britney Spears não é mais virgem”. Taí uma notícia que, na época e também hoje em dia, que foi e é de transcendental importância para o futuro da Humanidade.

DÚVIDAS CRUCIAIS, VIA PSEUDO-HAICAIS

Dúvida I

É muita falta de escrúpulo

Tomar sozinho meia dúzia

Daquela bebida com lúpulo ?

Dúvida II

É muito desassombro

Deixar, na praça,

Um baita dum rombo ?

Dúvida III

Ao resignado

Povo brasileiro cabe

O epíteto de “Coitado” ?

Dúvida IV

E ao povo argentino

Só resta a esperança de

Sacar algum num cassino ?

Dúvida V

E na França

Entre Direita Esquerda e Extrema

O coração balança ?

Dúvida VI

E na Grã Bretanha

Será que o futuro rei com

A plebéia ainda se assanha ?

Dúvida VII

E na Alemanha,

Do torcedor, do “hooligan”

A polícia apanha ?

Dúvida VIII

E na Holanda

Para trás

O mar anda ?

Dúvida IX

É a Coréia

Uma bomba atômica

Logo, logo estréia ?

Dúvida X

E o Japão

Mostrou, depois do tsunami,

Quem é o bom ?

Dúvida XI

E a milenar China

Vai se defrontar

Com a soja da Argentina ?

Dúvida XII

A Itália, eterna favorita

Vai querer mostrar nos esportes

Que não é de fazer fita ?

Dúvida XIII

E este assim chamado

Escriba vai sofrer, junto aos 200

Milhões, com o time do Mano escalado ?

Dúvida XIV

O coração que já sofreu tanto desacato

Será que ele aguenta, por um acaso,

O Brasil não levantar o campeonato ?

Dúvida XV

Não há quem se anime:

De fato, “o Brasil tem jogadores

Mas não tem um time”?

Dúvida XVI

Dólar a 2 reais não preocupa

Principalmente àqueles que para ver a sua cor

Não necessitam o uso de uma lupa?

Dúvida XVII

A Comissão da Verdade

Já encomendou a pizza

Por causa da sua inocuidade?

Dúvida XVIII

O afrodisíaco fez muito mal

Pois ele só descambou

Para um efeito colateral?

E-mail: josezokner@rimasprimas.com.br

http://www.rimasprimas.com.br/

Nenhum comentário: