quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

RUMOREJANDO

PEQUENAS CONSTATAÇÕES, NA FALTA DE MAIORES.

Constatação I (Outra versão da História de João e Maria).

Quando
João
E Maria
Se encontraram
Pela vez
Primeira,
Já entraram
Numa porfia,
Foram até
Se detestando,
Pois a reunião
Que poderia
Ser
De boa maré
Parecia
Um concurso,
Nefando,
De altivez
Altaneira,
Presunçosa,
Sobranceira,
Insolente,
Orgulhosa,
Não de gente
Civilizada.
Cada um,
Do par,
Com discurso
Algum,
Nenhum,
De querer
Dar
A mão
À palmatória.
Ele, torcedor
Fanatizado
E sofredor
Do assim
Chamado
Esquadrão
Do Alto
Da Glória
E, ela,
Alfenim*,
Delicada,
Mas obcecada
Pelo assim
Cognominado
Furacão
Da Baixada.
Coitado!
Coitada!
*Alfenim = “Fig. Pessoa delicada, melindrosa”.

Constatação II

Tem gente que convida a gente pra tomar café na casa da... gente.

Constatação III

O meu grande amigo e leitor Nereu Fanini me chamou a atenção sobre uma determinada Constatação, dizendo que carro último modelo não tem mais carburador. Certo, Fanini, mano velho, mas acontece que esse fato se deu no ano a. i. e., o que quer dizer “antes da injeção eletrônica”. Tenho dito, supondo que me saí razoavelmente... E aqui reproduzo novamente a referida Constatação:
“Uma careta histriônica
Ela fez quando no carburador
Do seu carro, último modelo,
O mecânico, que não era amador,
E que a atendia com desvelo,
Detectou gim com água tônica”.
Constatação IV
Deu na mídia: “Alemanha não sabe onde jogar lixo atômico de 20 usinas”. Este pobre escriba constata que muita gente, por não saber onde jogar seu lixo doméstico, joga em terrenos, rios, córregos e por aí afora. Aguardem breve a Alemanha poluindo mares, espaço, Planeta Terra, enfim. Cada um polui de acordo com sua capacidade e sua pessoal e particular desnecessidade alheia. E viva todos “nóis”.

Constatação V (De uma dúvida duvidosa).

Deu na mídia: “PT lança manifesto em defesa dos réus do mensalão e pede julgamento do PSDB”. Data vênia, como dizem nossos juristas, mas Rumorejando estranha o pedido: só do PSDB?
Constatação VI
Rico é telúrico; pobre faz castelos no ar.

Constatação VII

Rico tergiversa; pobre, enrola.

Constatação VIII

Rico chega atrasado num compromisso, porque sim; pobre, por causa do atraso do ônibus que não chega no horário. Daí, porque não.

Constatação IX

Rico, quando não cumpre com a palavra empenhada, ponderou melhor e mudou de idéia; pobre, é tratante.

Constatação X

O escritor Monteiro Lobato foi preso porque se posicionou contra a afirmação dos “entendidos” – inclusive e principalmente dos gringos – que no Brasil não havia petróleo. O futuro mostrou que ele tinha razão. Considerando que foi o típico caso de que tem razão, mas, assim mesmo vai pra cadeia, pode-se afirmar que foi mais um dos tantos que se vê por esse mundo afora. Pena...

Constatação XI (Teoria da Relatividade para principiantes).

É muito melhor ter uma amante que não exige do que uma esposa que só reivindica.

Constatação XII

O ineditismo do resultado do mensalão com a condena de seus participantes me faz lembrar o que há uns dez anos atrás deu na mídia: “A pedido dos líderes partidários, 12 senadores retiraram suas assinaturas do requerimento de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) destinada a investigar remessas ilegais de U$ 30 bilhões para o exterior por meio de contas CC-5. Parte dos recursos foi depositada na conta do Banestado em Nova York”. A mídia precisou tomar algum medicamento para a memória para não se esquecer de acrescentar: viva “nóis”, como ocorreu. Quanto aos demais senadores, também reformularam sua decisão, depois que os deputados aprovaram a CPI.
Constatação XIII (De uma dúvida crucial).
Preservativo, testado e aprovado pelo Inmetro é aquele que tem mais de metro de comprimento? Comentários no blog. Obrigado.
Constatação XIV(De um pseudo-soneto).

       De maldosas observações

De bobes, ela teve um delírio megalomaníaco
Tecendo flores, elogios e bazófia a si mesma
O que não deixava de ser um anafrodisíaco*
Além de parecer um baita de um avantesma***.

Mas depois que eu a vi nua na cama
Achei que os defeitos eram perdoáveis
Um par de seios e coxas, uma flama
Que clamavam por carícias inabaláveis.

Depois, achei que ela tinha feito recauchutagem
Uma daquelas que abrangem as partes principais:
Botox, prótese de silicone, até perdi a contagem.

Também achei que faltou melhorar a modéstia
Era tão escassa, tão parca, carente até demais
Que acomete a tantos, parecendo grave moléstia...

*Anafrodisíaco
·         adjetivo
Estatística: pouco usado.
1.      Relativo a anafrodisia**.
·         Adjetivo e substantivo masculino.
Estatística: pouco usado.
2.      Rubrica: farmacologia.
Que ou o que causa anafrodisia (diz-se de substância, remédio etc.); antiafrodisíaco.
3.      Rubrica: medicina.Que ou o que sofre de anafrodisia; anafrodita (Houaiss).
** Anafrodisia:
·         Substantivo feminino.
1.      Rubrica: medicina. Estatística: pouco usado.
2.      Ausência de desejo sexual (Houaiss).
***Avantesma:
·         Substantivo de dois gêneros
1.      Alma do outro mundo, fantasma, espectro; aparição terrificante.
2.      Derivação: sentido figurado.
Indivíduo ou coisa que causa susto ou que, por seu aspecto, é desagradável ou mesmo repugnante substantivo de dois gêneros.
Constatação XV
Não se pode confundir prêmio com premiê, até porque dificilmente se constata algum premiê, ou qualquer outro político, ganhando algum prêmio por merecimento, exceto no caso de ser outorgado por alguém – pessoa física ou jurídica – interessada em bajular, cooptar, obter favores de alguma Excelência. Vige!
 Constatação XVI
Ela ficou possessa, exasperada
Quando, da liberdade, o paladino
Chegou tarde à sua morada
E veio com desculpas, o ladino,
Que voltava de uma patuscada*,
E pior, querendo passar por fino.
E a mulher: “Que cambada!”
“Que contra-senso! Que desatino!”.
Coitada!
*Patuscada
·         Substantivo feminino
1.      Reunião festiva para comer e beber.
2.      Folia animada, divertida e barulhenta; pândega, farra (Houaiss).
Constatação XVII
E como ponderava o obcecado: “O único efeito colateral positivo que eu conheço é o remédio para o amor. Em condições de quaisquer pressão e temperatura, acaba, na doce maioria das vezes, preferencialmente numa cama”.
Constatação XVIII
Não se pode confundir massoterapia que o dicionário Houaiss dá como: “tratamento terapêutico à base de massagens” com amassoterapia que o obcecado – nada a ver com o obcecado da constatação acima – dá como terapia para àquelas que estão se sentindo solitárias, vazias, carentes e que ele se dispõe a curar. Como se trata uma especialidade inerente a sua – dele – especialidade ele se propõe a explicar apenas pessoalmente às interessadas. O contato pode ser feito através de Rumorejando que se propôs a auxiliar as pessoas que necessitem tal tipo de atendimento. De nada!
Constatação XIX
E já que o assunto é de transcendental importância para o futuro da Humanidade, aí filosofava o convencido conquistador eternamente obcecado que não é o mesmo das constatações anteriores: “as minhas gatas quando se põem a gemer de prazer ocasiona em mim uma série de deleites concretos, abstratos e concreto-abstrato. Me explico: concreto, porque massageiam meus atentos ouvidos; abstrato, porque massageiam minha despretensiosa alma, meu inquieto espírito, meu modesto e recatado ego e concreto-abstrato, o meu nunca, jamais, em tempo algum empedernido, humanizado e pobre coração. Tenho humildemente dito!”
Constatação XX
Casal pobre bate-boca; casal classe média remediada briga; Casal classe média, média alterca; casal classe média alta disputa; casal rico polemiza; casal milionário tem contraditório argumentativo.
Constatação XXI (Vige!).
Deu na mídia mais precisamente no Estadão: “Governo federal investe menos de 1% nas cadeias. Apenas R$ 2 mi de R$ 277,5 milhões previstos para fundo penitenciário saíram dos cofres”. Dúvida crucial: Será que o dinheiro foi aplicado para a Educação e Saúde? Quem souber, por favor, comentários no blog. Obrigado.
DÚVIDAS CRUCIAIS, VIA PSEUDO-HAICAIS.

Dúvida I

Cair em tentação estraga
O acesso ao céu, onde
Quase não há mais vaga?

Dúvida II

É a Bündchen, a Gisele,
Quando desfila, que
Arrepia a nossa pele?

Dúvida III

É ser muito solícito
Dizer que entendeu a explicação
Já que o ignoto estava implícito?

Dúvida IV

Foi o matemático assaz educado
Que pediu licença à anfitriã para ir ao banheiro
Fazer um 3,141592653589793238462... ao quadrado?

Dúvida V

É ser muito cordato
Não reagir às mentiras
Do candidato?

Dúvida VI

Sempre a reunião
Dos países do G-8 da vida
Deixa a gente na mão?

Dúvida VII

É só gente bacana
Que toma champanhe
Sete dias da semana?

Dúvida VIII

É prova de maturidade
Se conformar com certa
Escassa possibilidade?

Dúvida IX

Não é de bom alvitre, bom augúrio
Aposentado pagar imposto de renda
Uma vez que é um achaque espúrio?

Dúvida X

Tanta ramificação
Na estrada.
E cadê a sinalização?

Dúvida XI

No nado borboleta,
É impossível deixar
De fazer alguma careta?

Dúvida XII

É um despropósito grave,
Na porta da entrada,
Esquecer a tetra chave?

Dúvida XIII

É muito vacilo
Dizer por aí: “Talvez,
De Adão, eu desfilo”?

Dúvida XIV

É muita estúrdia, **
Durante a missa
Fazer balbúrdia?
**Estúrdia.
·         Substantivo feminino
1.      Comportamento ou vida de estróina; estroinice, pândega, leviandade.
2.      Gesto, atitude insensata e reprimível (Houaiss).
Dúvida XV
Não pagar o salário para os jogadores
Como vem acontecendo também no meu Paraná
É uma atitude para não se morrer de amores?
Dúvida XVI
O eclipse do sol que recentemente aconteceu
E que foi vista principalmente na Austrália
Fez os animais pensarem que anoiteceu?
Dúvida XVII
Ganhar dos argentinos no futebol de salão
Também dá a mesma alegria como noutro caso
Como acontece no basquete ou no esporte bretão?
Dúvida XVIII
Neste carnaval que se aproxima e que vem aí
Será que as mulheres vão desfilar vestidas
Ou na base do: “nós não estamos nem aí”?
Dúvida XIX
Se de um disco voador viesse um ET
Querendo bater um papo com você
Teu sentimento seria de medo ou do quê?
Dúvida XX
Quando o teatrólogo Nelson Rodrigues afirmou
Que a torcida vaia tudo, até minuto de silêncio
Estava dizendo que a Escola não nos educou?

Nenhum comentário: