quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

RUMOREJANDO

PEQUENAS CONSTATAÇÕES, NA FALTA DE MAIORES.
Constatação I (De um pseudo-soneto).


           Quizilas e desilusões

O médico escutou com o seu estetoscópio
O meu pobre, sofrido e amargurado coração
No entanto, bastava um simples osciloscópio
Para constatar que ele só continha desilusão.


Também pudera! A barra pesou para o meu lado
Na hora que a querida namorada me deixou só.
Eu nunca, jamais havia me sentido tão coitado
Daqueles que se acham ser lixo, escória, pó.


Havíamos discutido com recíproca desfeita
Por causa do resultado do jogo de futebol.
Ela é atleticana. E, por isso se acha perfeita...


-“Foi pênalti, que o juiz deixou de assinalar”.
-“Ele estava longe do lance, olhando contra o sol”.
-“Eu me vou. Fique aqui comemorando. E vá pastar”.

Constatação II
Deu na mídia, mais precisamente no Estadão: “Michelle Obama vestiu casaco e vestido Thom Browne para posse do marido”. Taí uma notícia de transcendental importância para o futuro da Humanidade.
Constatação III

O casal entra no restaurante e um cidadão lá da sua mesa faz um sinal para eles como um cumprimento. O marido, conduzindo a esposa, se aproxima da mesa e diz para o amigo que estava sentado e se levantou, educadamente, para cumprimentá-los. O marido diz para a esposa:
-“Este é o cara mais inteligente do escritório”.
-“Ah, que bom. Muito prazer em conhecê-lo”.
-“Igualmente. Obrigado.
-“Vamos sentar naquela mesa lá no fundo que é a única que ta desocupada, antes que algum aventureiro se aposse dela”.
Quando se sentam a esposa pergunta para o marido:
-“Por que você se referiu ao teu colega como o cara mais inteligente do escritório?”
-“Porque é o único que reconhece a minha inteligência”.
-“Ah é? Que bom. Quer dizer... Entendi”.
Constatação IV (De conselhos úteis).
Assim como foram antecipadas para fevereiro o começo das aulas nas escolas, o carnaval poderia ser antecipado para o começo de janeiro. A Páscoa seria comemorada quarenta dias após o dia real que o carnaval deveria ser efetivamente comemorado, ou seja, qualquer número de dias após o tríduo carnavalesco (que, em algumas cidades do Brasil é quatríduo, ou até mais)  já passou que sempre varia em dias dos meses de fevereiro e março. Dessa maneira o país começaria a funcionar desde o começo do ano. Elementar, minha gente. De nada!
Constatação V
Entre um destilado
E um fermentado
Ele optou
Pelos dois
E se ferrou
Depois,
Sofredor,
Prostrado,
Adoentado,
Com uma dor
De cabeça
Tal
E qual
Àquela igual
Que a mulher,
Avessa,
Sempre alegou
Quando não quer
Nada com nada.
Coitado!
Coitada !
Constatação VI
Deu certa vez na mídia: “Brasília -Depois de acusar o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), de dar um "golpe sujo" ao adiar para o dia seguinte a ordem do dia do plenário do Senado para facilitar a votação da reforma da Previdência, o então senador Antônio Carlos Magalhães (PFL-BA), hoje já falecido, pediu desculpas ao "amigo de mais de 40 anos". O assessor político de Rumorejando, antes de eles fazerem as pazes, como realmente fizeram, ao se inteirar da quizila entre os dois e posteriormente de terem feito as pazes, comentou: “Que pena que fizeram as pazes. Já imaginaram que lástima! Eles, ao continuar como aliados, nos deixam ainda mais fo, digo, ferrados do que já estamos”. Cara mal-educado esse assessor político de Rumorejando que quase soltou um palavrão.
Constatação VII

Meu grande time,
O Paraná demora bastante
Mas sempre se redime.
Será só por um instante?
Constatação VIII

Deu na mídia: “Segundo estudo de uma empresa de filtragem de sites, de 1998 para cá, a pornografia na Web cresceu 1.800%, o que representa hoje um total de 260 milhões de páginas”. Data vênia, como diriam nossos juristas, Rumorejando acha que se continuar nesse índice de crescimento, logo, logo o número de páginas sobrepujará a população mundial... 
Constatação IX

Quanta desilusão,
Quanto suplício,
Quando vasculhei
No seu coração
Um resquício
De amor por mim.
Afinal, só encontrei
Paixão sem fim
Por um sedutor
Chinfrim
A quem ela havia
– E eu que não sabia –
Concedido, dado,
Tintim por tintim,
O seu amor.
Coitado
De quem fica
Tiririca
Como eu, assim...
Constatação X

Rico faz conexão; pobre, baldeação.
Constatação XI
Vivo infeliz,
Descontente
Como nunca quis.
Afinal,
Nem por um momento
Ela, insubsistente,
Não sai
Do meu pensamento
Tão
Molestado.
E, assim,
A moral
Se esvai,
O coração
Se contrai
E a alma
Se retrai.
E eu,
Desesperado,
Perco a calma
Com a urucubaca
Que me acometeu,
Me sinto
Um panaca,
Um apagado,
Um extinto,
Um obnubilado,
Um indistinto,
Um obumbrado.
E, então,
Bem mais
De outros que tais:
Um babaca,
Um chinfrim,
Eivado,
Mergulhado,
Atolado
De ais,
Coitado
De mim!
Constatação XII
Não se pode confundir toldado com soldado, muito embora haja soldado que fica toldado quando é obrigado a ficar dando plantão, ao invés de sair com a namorada, ir para uma guerra para que os fabricantes de armas fiquem mais ricos e por aí afora. A recíproca desse belicosidade toda não é necessariamente verdadeira. Depende das pretensões econômicas, financeiras e políticas de algum líder de algum país democrata ou não. Democrata? Dúvida crucial: Existe isso em algum lugar? Comentários no blog. Obrigado.
Constatação XIII

Ela me prestou
Um desserviço:
Não é que tomou
Um chá de sumiço
E, de vez, me abandonou,
Levando o meu caniço
Com o qual me pescou.
E é também por isso
Que nosso amor se evaporou,
Iniciado num passadiço
De um navio que soçobrou.
Constatação XIV

Tá certo. Tá certo: “Paz na terra aos homens de boa vontade”. Se alguém souber que existem homens desse jaez, por favor, comentários no blog. Obrigado.
Constatação XV

Qual um avalanche
Ela – um avião –
Assaltou
Meu coração
Que acabou,
Num desmanche
Como um afanado,
Surrupiado,
Furtado
Carro
Ou caminhão.
Ela, muito linda,
Ainda,
Me tirou
Um sarro
Dizendo:
“Ó colendo
Só restou
O virabrequim”.
Coitado
De mim!
Constatação XVI

Ora essa!
O amor
Sacrossanto
Só ficou,
Sem complacência,
Na promessa
Como a inadimplência
Duma duplicata.
Portanto
Sem valor.
Era só cantilena,
Só bravata!
Que pena!...
Constatação XVII

Rico é curioso; pobre, abelhudo.
Constatação XVIII

Quando o convencido boçal (convencido boçal é pleonasmo) leu que Sharon Stone leiloou seu beijo por US$ 50 mil fez o seguinte comentário: Taí uma boa idéia. Imaginem quanto eu deixei de faturar pelo fato de dar os meus de graça”.
Constatação XIX
Quando outro convencido leu na mídia que a “comparação de DNA mostra que ser humano está mais para rato que para gato”, ele fez a seguinte observação: “Sempre foram as mulheres que correram atrás do gato aqui e não é qualquer DNAzinho da vida que vai alterar esse meu cognome, meu merecido epíteto”.
Constatação XX

Não se pode confundir pau-d’água com pai-d’égua que quer dizer “indivíduo femeeiro (mulherengo), garanhão”, até porque ninguém quer nada com pau-d’água e hoje, com o assédio feminino, não é preciso muito esforço para ser pai-d’égua. A recíproca, para esses transcendentais casos para o futuro da humanidade, não é necessariamente verdadeira.
Constatação XXI
Juro
Que é
Prematuro
Imaginar
A fé
Nos humanos
Alcançar
Valores
Elevados
Sem tropeçar
Em dissabores
Acumulados
Ao longo dos anos
E, lamentavelmente,
Eternizados,
Tão somente.
Constatação XXII

Não se pode confundir umedecer com emudecer, até porque se você chegar em casa com o cabelo umedecido sem que esteja chovendo, acrescido de um perfume estranho, manchas de batom na camisa, dificilmente a patroa vai emudecer diante de fatos desse jaez. Quanto a recíproca, ainda não foi possível detectar as conseqüências. Tão logo isso seja possível, informaremos nossos prestimosos leitores.
Constatação XXIII (De uma dúvida crucial).

Será que a Rapunzel não ficava com dor de cabeça cada vez que ela jogava as tranças para o namorado poder subir, se agarrando nas ditas e chegar onde ela estava ? Quem souber a resposta, por favor, comentários no blog. Obrigado.
Constatação XXIV
Deu na mídia: “Brasil está pronto para enriquecer urânio”. Data vênia, como diriam nossos juristas, aguarde breve, concomitantemente ao enriquecimento do urânio, o nosso empobrecimento...
Constatação XXV
Não se pode confundir Aruba com arroba, muito embora em Aruba, onde costumam ir os ricaços, existe muito morador local que tem endereço eletrônico, consequentemente tem arroba, computador e outras máquinas de deixar meio ou ¾ louco um pobre mortal, a semelhança da televisão.


DÚVIDAS CRUCIAIS, VIA PSEUDO-HAICAIS.
Dúvida I
Era a sentinela,
Tiritando de frio, que
Filosofava: “É fela”?
Dúvida II
Carnaval curitibano,
Para ter sucesso,
É só no próximo ano?
Dúvida III
O cara de pau
Falava mal da sogra,
Mas filava o seu jornal?
Dúvida IV
O desempenho
Nem sempre depende
Do efetivo empenho?
Dúvida V
Teve uma boa recaída,
O meu Paraná, com
Vitórias já de saída?
Dúvida VI
Quem não se comunica
É que se trumbica ?
Ou é quem vive tiririca?
Dúvida VII
Ler o poeta Mário Quintana,
Foi o que o médico falou,
Durante toda a semana?
Dúvida VIII
Nem sempre o feitiço
Vira contra o feiticeiro.
Você já pensou nisso?
Dúvida IX
O umbigo humano
É igual a latitude e longitude
Zero + o logaritmo neperiano?
Dúvida X
A circunferência
É um quadrado ou um hexágono
Que sofreu interferência ?
Dúvida XI
E o quadrado
É um retângulo que
Não foi alongado ?
Dúvida XII
É inconformismo,
Ficar olhando pra própria
Foto ou é narcisismo ?
Dúvida XIII
Resulta em nada
Certos discursos de
Gente pouco inspirada ?
Dúvida XIV
Foi tonitruante
A xingação contra a marcação
De jogada periclitante* ?
*Linguajar empolado de jogo perigoso.
Dúvida XV
Quem prevarica,
Se descoberto(a),
Será que se complica ?
Dúvida XVI
E quem reivindica
Um simples emprego
Tá fazendo futrica ?
Dúvida XVII
Foi o comandante-em-chefe
Que deu uma bronca
Mequetrefe ?
Dúvida XVIII
A gente se sente desvalido
Quando o governo não nos
Paga o que nos é devido ?
Dúvida XIX
Não seria sensacional
Estender para o ano todo
O nosso curto carnaval ?
Dúvida XX
Acordo assustado.
Como é mesmo o nome
Da gata que tá ao meu lado?
Dúvida XXI
Algum dia haverá
Algum time que vença
O meu Paraná ?
Dúvida XXII
Não jogar um truco,
De vez em quando,
Também te deixa maluco ?
Dúvida XXIII
Foi o rabdomântico,
Com a varinha mágica
Que se mostrou romântico ?
Dúvida XXIV
Foi o rapace
Que afanou
Uma dúzia de alface ?

E-mail:
josezokner@rimasprimas.com.br
Site: www.rimasprimas.com.br

Nenhum comentário: