quarta-feira, 27 de março de 2013

RUMOREJANDO

PEQUENAS CONSTATAÇÕES, NA FALTA DE MAIORES.
Constatação I (De um pseudo-soneto).

A dançarina surrealista

Ela dançou um bolero,
Mas não era dois pra cá
Tampouco dois pra lá
E sem um ensaio severo.

Foi um bem mais complicado
Era o Bolero de Maurice Ravel
Como naquele filme tão cruel,
Cujo nome não estou lembrado.

Ela improvisava os passos
Sem repetir quaisquer pedaços
Sempre com graça e talento.

De repente, pareceu levitar,
De fato, no forro ela foi parar.
E não foi só por um momento.

Constatação II
CPI ou não.
É sempre essa
A eterna questão
A quem interessa?
Constatação III
Aviso a quem interessar possa que os meus convidados quando chegarem a minha casa lhes será oferecido, com todo senso de hospitalidade, dentre outros, um chimarrão. No entanto, já vou avisando que o meu chimarrão absolutamente não leva açúcar ou outros sacrilégios como sal, orégano, mica, feldspato ou quaisquer outros, digamos, condimentos. Favor não insistir. Obrigado.
Constatação IV (De diálogos conjugais).
Disse a mulher para o marido: - “Eu vou mandar rezar uma missa em sufrágio pela alma do falecido”. Respondeu o marido: -“Não precisa. Isso não vai acontecer de novo. Na próxima vou providenciar Levitra, ou Cialis, ou Viagra. Contestou a mulher: –“Ah bom, quer dizer, ah ruim, quer dizer, ah bom, mesmo”.
Constatação V
A notícia
Estourou,
Sem malícia,
Um deslavado
Desvairo,
Como um torpedo:
Não é que vazou
Que o Alfredo
O valentão
Da vizinhança
Que enfrentava,
Com segurança,
À mão
Qualquer
Brigão,
Armado,
Ou não,
Morria de medo
Da sua mulher?
Coitado!
Constatação VI
Deu na mídia: “É difícil entrar em um ônibus ou no metrô de Londres sem ver um considerável número de pessoas lendo livros. O londrino lê muito. No transporte, nos cafés, em meio ao burburinho dos pubs, nos parques e até em intervalos de peças teatrais”. À semelhança de certos países. Me refiro à França. Tanto a Inglaterra, como a França possuem o livro de bolso que sai bem em conta. Os hermanos argentinos também. A gaúcha LPM descobriu o filão. Em nosso país, livro não deixa de ser artigo de luxo. O seu preço chega a representar até 30% do salário mínimo. Aí, acrescido de outros fatores, principalmente de outros fatores, fica realmente difícil...
Constatação VII (De outro pseudo-soneto).

    Comes e bebes
                      
A obcecada por limpeza
Fez um sujo papel
Com toda a certeza
Não cuidou do coquetel.

Os copos vieram sujos
Os pratinhos também
Cheios de caramujos
Parecia coisa do além

Foi uma falta de higiene
Provavelmente perene
Para um porco não invejar.

Como ninguém fez menção
A anfitriã chamou a atenção:
“Vocês não vão atacar?”
 Constatação VIII
O apresentador da Globo, Pedro Bial, nas chamadas do programa Big Brother Brasil, pergunta: “Quem deve ser eliminado ?” e este locutor que vos fala, digo digita, responde: “O próprio”. Naturalmente, me refiro ao programa, não ao supostamente inocente Pedro.
Constatação IX
Deu na mídia, mais precisamente no site da Globo: “No Paparazzo, Anamara conta que adora gritar até na hora do orgasmo”. Taí uma notícia de transcendental importância para o futuro da Humanidade. Naturalmente, data vênia, como dizem nossos juristas, é claro...
Constatação X
Não se pode confundir indiciar com indicar, muito embora se a polícia/justiça te indicar, a fim de te indiciar, em algum processo, você vai se incomodar. Valha-nos todos os santos e orixás.
Constatação XI (De diálogos esclarecedores).
-“Puxa! Como você engordou! Não está ocorrendo sobra de apetite ?”
-“Não. O que está ocorrendo é falta de memória”.
-“Como assim ?”
-“É que eu esqueço de parar de comer”.
-“Ah, bom, quer dizer, ah ruim, quer dizer...”
Constatação XII (De uma dúvida crucial ou não).
Quem será que eram os irmãos, pais dos números primos? Seriam os algarismos romanos? Ou os arábicos? Quem souber a resposta, por favor, comentários no blog. Obrigado.
Constatação XIII
“Andam dizendo que os últimos serão os primeiros”, foi o que disse o tranquilo epílogo para o inconformado posfácio, na tentativa de consolá-lo?
Constatação XIV (De outra dúvida crucial ou não).
Parece que estão surgindo novos seguidores de PC Farias. Ou será que eles sempre existiram e, mostrando “competência”, não se deixaram pegar? Quem souber a resposta, por favor, comentários no blog. Obrigado.
Constatação XV
Deu na mídia: “A agência de modelos que lançou a carreira de tops como Gisele Bündchen, Claudia Schiffer, Naomi Campbell e Cindy Crawford, entre outras, entrou com pedido de falência num momento em que enfrenta uma série de problemas legais”. Data vênia, como diriam nossos juristas, há que se preservar as imagens de todas elas para que possamos, nós simples mortais, a continuar vendo suas fotos. Ao vivo e em cores, este locutor que vos fala, digo digita, acha um pouco mais difícil...
Constatação XVI
Com aquela
Maravilhosa
Anca
Que a deixava
Tão gostosa
Ela
Até ficava
Meio manca
De tão boa.
E o marido,
Todo empedernido,
Com fama
De feroz
Na cama,
Ou fora dela,
Ainda que
Com cara
De sofrido
À-toa
E com voz
De taquara
Rachada
Chamava
A gatinha
De minha
Adorada
Patroa.
E ninguém,
Em algum momento,
Com tal nhenhenhém,
Atinava
O porquê
Daquele
Ar de sofrimento,
De atormentado,
Dele.
Coitado!
Constatação XVII
Deu certa vez na mídia: “Segundo pesquisa anual realizada pelo Instituto Gallup, o Brasil é o sétimo país mais bem visto pelos americanos, entre 22 outros”. Dúvida crucial: isso é bom ou é ruim para nós? Quem souber a resposta, por favor, comentários no blog. Obrigado.
Constatação XVIII
“Entenda meu doce amor,
É uma baita besteira”,
Disse o conquistador,
“Ter pendurado a chuteira”.
(Chuteira?).
Constatação XIX
Não se pode confundir ilusão com alusão, que quer dizer, segundo o Aurelião: “2. Referência vaga e indireta. 3. menção, referência, relação”, até porque toda alusão ou afirmação ou qualquer assertiva feita por certos políticos não deixa de ser mera ilusão. A recíproca, para esses “empulhativos” casos não é necessariamente verdadeira. Salvo aqueles casos de antigamente de alusão de casamento quando a gata estava renitente à cantada e afrouxava a resistência com a ilusão da indecorosa e fdp proposta.
Constatação XX
Tal amor,
Tanta elevação
Perene
Sentiu
Seu coração,
Fraquejando,
Tocando
A sirene
Que ele partiu,
Resoluto,
Para se tratar,
Para tentar
Uma consulta,
Nada estulta,
No Incor,
Com o Doutor
Substituto
Do Dr. Adib Jatene.
Constatação XXI (De mais um pseudo-soneto).

     Maus presságios

Por causa de defender o pedágio
Acompanhado de um elevado ágio
Ao invés de defender um deságio
Que seria tal qual um poema, um adágio*.

Ela teve um prenúncio, um mau presságio,
Que absolutamente não seria nenhum apanágio.
Achou que a reeleição ia ser um naufrágio
Já que o maridão não receberia um sufrágio.

Afinal, na Câmara, ele já tinha feito um estágio.
De aula de mau-caratismo, o que resultou em contágio.
E acrescida de suas maldades, portanto não era só plágio.

“De nada vai adiantar eu recorrer a um triságio**.
Nem eu recorrer a uma promessa ou a um binágio***.
Ele vai ter que concorrer com os habitantes de Ságio****.

*Adágio = Substantivo masculino.
Sentença moral de origem popular; anexim, ditado, provérbio (Houaiss).
**Triságio = Substantivo masculino
Rubrica: religião.
Hino breve que é entoado pelo coro na veneração à cruz, na Sexta-Feira Santa [Assim denominado pela atribuição trina de santidade a Deus: Ó Santo Deus, Santo e Forte, Santo e Imortal, tende piedade de nós.] (Houaiss).
***Binágio = Substantivo masculino.
Realização de duas solenidades jurídicas (Houaiss).
****Ságio = Adjetivo e substantivo masculino
Relativo aos ságios, habitantes de Ságio, antiga cidade da Gália lugdunense*****, ou seu natural ou habitante (Houaiss).
*****Lugdunense = Adjetivo e substantivo de dois gêneros.
1. Relativo a ou habitante de Lugduno, capital da Gália lugdunense [Houve cidades homônimas, como a dos batavos (atual Leyde), a da Gália bélgica (atual Lião), etc.] (Houaiss).
Constatação XXII
Em certos países, o roubo está institucionalizado. A Educação, a Saúde e a Segurança ainda não.
Constatação XXIII
Quando você atine
Que um PIB nulo assim se define
Aí, você deixa de sonhar naquela limusine
Você não vai nem ao magazine
Não compra aquela capa de gabardine
Nem roupa feminina de tricoline
Ou àquela das atrizes de pelerine.
Você suspende até a ida ao cine
Já que nesses casos se previne.
Mas não se amofine
Um dia você entra numa cabine
Vota em candidato com quem se afine
E a quem nunca a gente abomine.
E, se quiser, pare de ler sem que eu determine,
Pois está na hora que essas mal traçadas termine.
Constatação XXIV
Deu na mídia, mais precisamente no Estadão: O presidente do Superior Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Joaquim Barbosa disse que existe 'conluio' entre advogados e juízes. ‘Nós sabemos que há decisões graciosas, condescendentes, absolutamente fora das regras’. O Presidente Barbosa disse também que ‘muitos juízes devem ser colocados para fora da carreira’. Vige!
Constatação XXV
Não se pode confundir lavra com larva, muito embora quando se lavra a terra, mormente sem maquinário e só na base da força, do feijão com arroz, a gente se depara com minhocas, larvas e outros não necessariamente invertebrados... A recíproca é como é e pede-se aos nossos prezados leitores que não reajam a esta tão esclarecedora e contundente assertiva. Obrigado pela compreensão.
DÚVIDAS CRUCIAIS, VIA PSEUDO-HAICAIS
Dúvida I
É muita falta de escrúpulo
Tomar sozinho meia dúzia
Daquela bebida com lúpulo ?
Dúvida II
É muito desassombro
Deixar, na praça,
Um baita dum rombo ?
Dúvida III
Ao resignado
Povo brasileiro cabe
O epíteto de “Coitado” ?
Dúvida IV
E ao povo argentino
Só resta a esperança de
Sacar algum num cassino ?
Dúvida V
E na França
Entre Direita Esquerda e Extrema
O coração balança ?
Dúvida VI
E na Grã Bretanha
Será que o futuro rei com
A plebéia ainda se assanha ?
Dúvida VII
E na Alemanha,
Do torcedor, do “hooligan”
A polícia apanha ?
Dúvida VIII
E na Holanda
Para trás
O mar anda ?
Dúvida IX
É a Coréia
Uma bomba atômica
Logo, logo estréia ?
Dúvida X
E o Japão
Mostrou, depois do tsunami,
Quem é o bom ?
Dúvida XI
E a milenar China
Vai se defrontar
Com a soja da Argentina ?
Dúvida XII
A Itália, eterna favorita
Vai querer mostrar nos esportes
Que não é de fazer fita ?
Dúvida XIII
E este assim chamado
Escriba vai sofrer, junto aos 200
Milhões, com o time do Mano escalado ?
Dúvida XIV
O coração que já sofreu tanto desacato
Será que ele aguenta, por um acaso,
O Brasil não levantar o campeonato ?
Dúvida XV
Não há quem se anime:
De fato, “o Brasil tem jogadores
Mas não tem um time”?
Dúvida XVI
Dólar a 2 reais não preocupa
Principalmente àqueles que para ver a sua cor
Não necessitam o uso de uma lupa?
Dúvida XVII
A Comissão da Verdade
Já encomendou a pizza
Por causa da sua inocuidade?
Dúvida XVIII
O afrodisíaco fez muito mal
Pois ele só descambou
Para um efeito colateral?

Nenhum comentário: